As redes digitais que nos movem

A disseminação da utilização da internet, que ocorreu durante a década de 1990, e a posterior massificação do WiFi e dos dados móveis, no início dos anos 2000, vieram revolucionar a forma como entendemos o mundo, tendo impacto na forma como interagimos entre nós, assistimos a conteúdos visuais, lemos, fazemos compras ou jogamos.

Ora, se é certo que a Internet veio revolucionar o mundo moderno, não sendo surpreendente que quase 90% dos portugueses usem a Internet no seu dia a dia, também não é menos verdade que o smartphone é a ferramenta que operacionaliza esta revolução.

A seguis, listamos alguns exemplos disso mesmo, e como estes potenciam as interações.

A tecnologia que nos liga e cria interações!

Os smartphones

O primeiro smartphone como o conhecemos foi lançado em 2004, tendo sido alvo de contínua evolução tecnológica desde então. Pois bem, à medida que estes aparelhos foram sendo desenvolvidos e aperfeiçoados, e que a procura pelos mesmos foi crescendo, maior se foi tornando o investimento no desenvolvimento do software usado nestes dispositivos.

Assim, atualmente quase metade da população mundial tem um smartphone. A verdade é que são pequenos computadores que trazemos no bolso e nos dão acesso ao mundo com a máxima comodidade, graças aos sistemas operativos e aplicações que albergam e que nos permitem aceder em permanência e em qualquer lugar a conteúdos tão diversos como filmes e séries, música, livros e jogos.

Desafiante é, atualmente, passar sem eles. Mas vejamos que tipos de aplicações e utilitários os tornam atualmente tão essenciais:

Aplicações de mensagens instantâneas e redes sociais

Graças a aplicações como WhatsApp, Telegram ou a redes sociais como Facebook e Instagram, podemos socializar com amigos e conhecidos, estejam eles perto ou do outro lado do mundo.

Aplicações de streaming de conteúdos audiovisuais

A primeira aplicação de streaming de vídeo a ser lançada foi a Netflix, em 2007. No entanto, atualmente são dezenas as aplicações onde podemos ver com grande qualidade filmes e séries (alguns deles produzidos exclusivamente para estas plataformas).

Plataformas de conteúdos musicais e podcasts

Nestas aplicações temos acesso a discografias de artistas incontáveis e a podcasts sobre os mais variados temas: política, humor, educação ou wellness, entre outros.

Aplicações de conteúdos literários

O Audible e o Kobo são plataformas que disponibilizam, mediante subscrição, versões de livros gravados em áudio, que podemos ouvir nos nossos smartphones, permitindo-nos assim aceder a vastos catálogos literários.

Aplicações de E-commerce

Permitem-nos fazer compras online, de todo o tipo de bens. Podemos encomendar o jantar ou qualquer outro produto, a qualquer hora e em qualquer loja do mundo, a partir das aplicações criadas para este efeito.

Gaming

Desde os tempos do Snake que os jogos são uma funcionalidade importante dos nossos telemóveis. Ora, com o permanente desenvolvimento tecnológico e acesso ilimitado à internet, o céu passou a ser o limite, pelo que as maiores fabricantes de software de jogos passaram a desenvolver versões de jogos específicas para smartphones, evitando que estivessemos presos ao PC ou consola para poder jogar.

Assim, grandes sucessos de gaming, como Call of Duty Mobile, Mortal Kombat ou League of Legends: Wild Rift estão agora igualmente disponíveis para que os possamos jogar nos nossos smartphones.

Plataformas de iGaming

popularidade do iGaming levou também a que este tipo de conteúdos fosse desenvolvido em versões web, compatíveis com iOS e Android, bem como à criação de aplicações próprias, que se destacam como uma opção de entretenimento digital independente, a que temos acesso em permanência e em qualquer lugar.

Os catálogos destas plataformas que disponilizam slots incluem centenas de títulos sobre temas populares, como mitologia, Antigo Egipto ou mundo natural, entre muitos outros. Assim, conseguem aliar a variedade de temas populares a interfaces intuitivas e acessíveis, que permitem um acesso simples e descomplicado, característica essencial de todas as plataformas atuais de conteúdos digitais de qualidade, independentemente do seu propósito.

Com efeito, não há como negar, face a estes exemplos. Além disso, a democratização da Internet e a subsequente revolução digital tiveram um impacto abrangente na sociedade, alterando como interagimos entre nós e com o mundo.