Pulseira para homem de 29 anos por violência doméstica

O Comando Territorial de Évora da Guarda Nacional Republicana (GNR), através do Núcleo de Investigação e de Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE), no passado dia 21, deteve um homem, de 29 anos, por violência doméstica, no concelho de Vila Viçosa.

Na sequência de uma investigação por violência doméstica, os militares da GNR apuraram que o suspeito agredia física e psicologicamente a vítima, sua companheira, de 24 anos, chegando mesmo a utilizar uma arma branca para a ameaçar.

O detido foi presente a primeiro interrogatório no Tribunal Judicial de Vila Viçosa, no dia 22, tendo-lhe sido aplicada a medida de coação de proibição de contactos com a vítima, por qualquer forma ou meio, controlado por pulseira eletrónica, num raio de mil metros.