Programa Emprego Interior MAIS já recebeu mais de 1100 candidaturas

Ana Mendes Godinho: ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social

Em vigor há dois anos, o programa Emprego Interior MAIS já recebeu 1.114 candidaturas, de acordo com Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social (MTSSS).

Este programa, que apoia os trabalhadores que se fixem no interior, com as 1114 candidaturas efetuadas, abrange 1973 pessoas.

Até ao momento, e segundo o MTSSS, já foram 1119 as pessoas que se deslocaram para o interior, cerca de metade para os distritos de Portalegre, Évora, Castelo Branco e Guarda.

Das pessoas que se candidataram, mais de 700 pretendem trabalhar por conta de outrem, enquanto mais de 300 procuram criar o seu próprio emprego.

O programa, que foi alargado em dezembro de 2021, até final de 2023, atribui um apoio de até 4827 euros para os trabalhadores que se fixarem no interior e uma comparticipação nos gastos associados à mudança.

Emprego Interior MAIS conheceu também um alargamento da sua abrangência a quem vive fora de Portugal, sendo que, para isso, essas pessoas, após 31 de dezembro de 2015, tenham vivido, pelo menos, um ano no estrangeiro, antes de se terem fixado num território do interior.

O programa foi ainda alargado a situações de teletrabalho e a  estrangeiros que vivam fora de Portugal e pretendam mudar-se para o interior do país.