Cante Alentejano e Poesia Popular no Encontro de Rio de Moinhos

O 16º Encontro nacional Rio de Moinhos decorre desde ontem, nesta freguesia, do concelho de Borba, e termina este domingo, 3 de julho.

Numa iniciativa que junta as restantes freguesias do país, com o nome de Rio de Moinhos, com o objetivo de promover a cultura, a tradição e gastronomia das localidades.

O programa de hoje tem início às 9 horas, com uma alvorada de foguetes, seguindo-se uma missa, pelas 10.30 horas. Às 12 horas há arruada pela Banda Filarmónica de Rio de Moinhos (Penafiel), seguindo-se um almoço.

Já durante a tarde, é dado destaque “à poesia popular e ao Cante alentejano”, revela João Lopes, presidente da freguesia de Rio de Moinhos, no concelho de Borba. Assim, às 15 horas atua o Grupo de Cante “Os Garridos”, seguido, meia hora mais tarde, do Grupo Coral e Instrumental “Maravilhas do Alentejo (Aljustrel).

O encontro de poetas e tocadores populares de Rio de Moinhos (Borba) está marcado para as 16 horas e o certame encerra às 16.30 horas.

Encontro das freguesias de Rio de Moinhos, do país, que junta mais de 700 pessoas, nesta freguesia do concelho de Borba.