Farmácia Central de Campo Maior desdobra-se para responder à procura de testes

A Farmácia Central em Campo Maior é uma das duas farmácias, no distrito de Portalegre, que faz testes gratuitos à Covid-19, o que não se assume tarefa fácil.

Ana Luísa Neto, diretora técnica da Farmácia Central, em Campo Maior afirma que há muita afluência, por parte de várias localidades vizinhas, tendo em conta que os testes são obrigatórios em várias situações, adiantando que não tem sido fácil dar resposta, tendo em conta os recursos humanos disponíveis. “A afluência continua a ser muita, tal como foi no verão e, nesta altura mais ainda, porque o teste vai ser obrigatório para visitas aos lares, em qualquer evento desportivo ou não, pelo que a afluência tem sido muito grande, não só por parte de campomaiorenses, mas sobretudo de localidades próximas”.

A realização de testes está a ser feita por marcação, revela Ana Neto, adiantando que, para dar resposta, “está a ser complicado porque acima de tudo somos uma farmácia e temos que prestar o nosso serviço principal, este é um serviço extra e estamos a canalizar de acordo com as nossas possibilidades, ao nível de recursos humanos”.

Têm sido feitos mais de 50 testes por dia, nesta farmácia, explica a diretora técnica garantindo que se mais farmácias aderissem, não haveria esta afluência e seria mais fácil dar uma melhor resposta e mais célere a todas as pessoas”, remata Ana Neto.