Preparada a desativação do centro de vacinação no CNT no fim de setembro

Em Elvas, o centro de vacinação em massa instalado no Centro de Negócios Transfronteiriço (CNT) poderá ser desativado no final de setembro.

Portugal caminha para a meta dos 85% da população totalmente vacinada e algumas autarquias preparam a desativação dos centros de vacinação em massa, segundo noticia o jornal “Público“. As doses da vacina contra a covid-19 irão passar a ser administradas nos centros de saúde, mas uma eventual terceira dose poderá atrasar este processo.

O centro de vacinação instalado no pavilhão Multiúsos de Gondomar, o primeiro em grande escala a abrir no país, é um dos que se prepara para fechar. A desativação “já está a ser preparada” e, de acordo com a previsão do presidente da autarquia, Marco Martins, no final de setembro a administração das vacinas será já feita nos centros de saúde. Isto se não existir a indicação que será necessária uma terceira dose da vacina contra o SARS-CoV-2 e se a maioria da população elegível já estiver vacinada.