Bombeiros de Elvas têm duas equipas de combate a fogos

O concelho de Elvas está este domingo, dia 11, em risco elevado de incêndio, devido às altas temperaturas que se fazem sentir.

A vigilância e o posterior combate aos incêndios são assegurados pelos bombeiros e pelos sapadores florestais, de acordo com Tiago Bugio, comandante da corporação elvense, que garantiu que “a atuação é feita em duas vertentes: na parte do combate e também na vigilância de forma a detetar, precocemente, qualquer ignição que haja identificando-a a través de uma coluna de fundo e atacando logo com os meios que se julguem necessários no momento”.

Em relação aos bombeiros voluntários de Elvas, estão disponíveis “duas equipas de combate a incêndios e uma de abastecimento, existindo também uma equipa de sapadores florestais do município de Elvas. No fundo, são os meios de combate para uma intervenção inicial podendo, posteriormente, num incêndio de maiores dimensões, serem reforçados”.

Tiago Bugio alerta as pessoas para a importância de “ligar 117 caso identifiquem algum incêndio, uma vez que o ataque rápido é essencial para que as chamas não ganhem uma maior dimensão”.

No nível elevado de risco de incêndio, é proibido fazer queimada extensiva e de amontoados sem autorização. É ainda proibido utilizar fogareiros e grelhadores em todo o espaço rural, salvo se usados fora das zonas críticas e nos locais devidamente autorizados para o efeito, entre outras restrições.

Em caso de incêndio deve ligar o 117.