Ourivesaria Gomes no “Retoma da Economia”

Foi há 35 anos que Mário Silva Gomes começou com uma empresa no ramo da ourivesaria/relojoaria, na Rua Morais Coelho, depois foi o seu filho, José Manuel Gomes, e atual proprietário da Ourivesaria Gomes, que seguiu as pisadas do pai no negócio, ficando a assumir os comandos do mesmo.

A Ourivesaria Gomes está localizada na Rua da Carreira, no centro histórico de Elvas e presta vários serviços ao nível de ourivesaria e relojoaria. José Manuel Gomes explica que fazem “várias reparações de prata, ouro e relojoaria e vendem todo o tipo de artigos de relojoaria ourivesaria”. O proprietário explica que o seu cliente é maioritariamente da cidade e região.

São três os funcionários da Ourivesaria Gomes, e para José Manuel Gomes, o que distingue o seu negócio é o nível de serviços e o atendimento personalizado, “tratamos bem o cliente”, refere.

Relativamente à pandemia, para o proprietário da Ourivesaria Gomes, “o não abrir foi muito complicado a nível económico, mas superámos, vamos tentar ver se não voltamos a confinar”, uma vez que neste segundo confinamento as “quebras rondaram entre os 40 e 50%”. Questionado sobre os apoios recibos, refere que os únicos que recebeu foram da segurança social, relativos ao lay-off dos funcionários.

Para já, a Ourivesaria Gomes apenas vende na loja física, sendo que ainda este ano passará a estar disponível também nas plataformas digitais.

Como objetivo futuro, José Mauel Goes refere que é objetivo “tentar levar isto para a frente, com boa disposição e que os clientes apareçam, porque esta reabertura foi muito boa, as pessoas tinham ânsia de por a pilha no relógio e comprar alguma coisa”

O programa “Retoma da Economia” conta com o apoio da Câmara Municipal de Elvas.