Centro de Ciência do Café já reabriu ao público

O Centro de Ciência do Café já reabriu portas ao público, depois de dois meses encerrado devido à covid-19.

“A expectativa para esta reabertura era muita”, revela Cecília Oliveira, diretora do espaço, adiantando que já havia muitas pessoas que aguardavam por esta reabertura, “o que nos dá confiança e entusiasmo, de que estes tempos em que vamos recuperar lentamente a nossa atividade, e se tivermos um verão como o do ano passado, em que tivemos muitos visitantes, principalmente portugueses, ficamos muito contentes”.

A mesma equipa de sempre “está motivada e desejosa de receber visitantes com todas as normas e regras de segurança exigidas, num espaço onde as pessoas poderão passar uma tarde ou uma manhã connosco bastante agradável”.

Para já o Centro de Ciência do Café está aberto de terça a sexta-feira, das 10 às 17 horas, já no fim de semana encontra-se encerrado, prevendo-se que a partir de dia 19 de abril, já possa reabrir também ao sábado e domingo, caso não existam alterações á situação epidemiológica.

Cecília Oliveira refere ainda que as visitas “devem ser feitas com marcação prévia, com intervalos de 20 em 20 minutos e num máximo de 10 pessoas por grupo”.

Com esta reabertura, revela Cecília Oliveira, reabre também a Academia Barista, um espaço no piso-1, onde “estava algum do acervo do café da família Nabeiro, que foi transformado nesta academia, que está preparada para receber clientes da Delta Cafés ou de outras marcas, alunos de escolas hotelaria, ou qualquer pessoa pode frequentar as formações nesta área”.

No espaço houve também uma “atualização de conteúdos da exposição permanente e, ao longo do ano haverá muitas surpresas”, garante Cecília Oliveira.

Centro de Ciência do Café, em Campo Maior, que já reabriu ao público, com todas as medidas de segurança, exigidas pela DGS, e que conta ainda com várias novidades e melhorias no espaço.