Alandroal: central de produção de hidrogénio verde “é muito aliciante”

A vila de Alandroal poderá vir a tornar-se sede de uma central de produção de gás a partir de fontes renováveis. Este investimento vai ser feito por parte da empresa portuguesa Hyperion que prevê investir no país cerca de 300 milhões de euros para a produção de hidrogénio verde.

O presidente da câmara municipal de Alandroal, João Grilo, considera esta oportunidade “muito aliciante sendo, a concretizar-se, o maior investimento privado no concelho. Trata-se de uma área de inovação, futuro e respeito pelo ambiente o que e enquadra no tipo de investimentos que gostamos de atrair para o concelho”.

“O facto de não ter um impacto muito grande no território é também um fator positivo. No entanto, não podemos esquecer o retorno relacionado com a criação de postos de trabalho, receita relacionada com impostos e a dinâmica paralela criada no concelho. Nesse sentido, do ponto de vista da câmara de Alandroal, tudo faremos para que o projeto de concretize”, garantiu João Grilo.

A central projetada para o Alandroal prevê um investimento de 300 a 400 milhões de euros na construção, de forma gradual, de uma central. Além de Alandroal, a companhia portuguesa quer desenvolver mais uma central em Setúbal.