Menos internamentos Covid em Elvas e Portalegre

Os hospitais de Elvas e Portalegre têm registado um decréscimo acentuado no número de internamentos de utentes com Covid-19, nos últimos dias.

Ao nível dos internamentos, a pior fase foi registada a 20 de janeiro, quando ambos os hospitais ficaram sem camas disponíveis, em enfermaria, e os cuidados intensivos de Portalegre estiveram lotados.

Ao todo, os dois hospitais dispõem de 66 camas para doentes Covid: 22 no Hospital de Santa Luzia e 44 no Hospital Dr. José Maria Grande.

Segundo o porta-voz da Unidade Local de Saúde do Norte Alentejano (ULSNA), Ilídio Pinto Cardoso, o bloco operatório do hospital de Elvas chegou a estar alguns dias inoperacional, depois de registados casos de infeção entre os trabalhadores.