Tradição da Azevia passa para o online este ano

A Rua Aires Varela não vai este ano receber as muitas pessoas que na noite de 30 de Novembro para um de Dezembro assinalam o Dia da Restauração da Independência e o Aniversário da Sociedade 1º de Dezembro, popular Azevia.

A pandemia Covid-19 impede ajuntamentos de pessoas e estas comemorações não fogem à regra.

No entanto, a Associação 1º de Dezembro não vai deixar passar a data em claro. Cláudia Ferreira, membro da coletividade elvense, garante que “as comemorações vão decorrer online. Não vamos pedir às pessoas que venham à nossa sede porque sabemos que muitos viriam e não queremos que corram riscos. Vamos fazer o hastear das bandeiras, mas de forma simbólica. Não nessa noite”.

Quanto aos hinos da 1º de Dezembro e da Restauração “vão poder ser ouvidos, em casa, no conforto do lar. Esperamos que cantem em casa e façam os seus vídeos ou diretos para o Facebook e depois nos façam chegar”.

Sociedade 1º de Dezembro assinala 110 anos de existência. Pandemia Covid-19 faz com que as comemorações decorram online.