Doentes Covid partilham área da urgência do Hospital de Elvas

Uma ambulância transportou, este sábado, um doente idoso com teste positivo já realizado, para o Hospital Santa Luzia de Elvas.

O Covidário instalado em abril junto da urgência, encontra-se encerrado, situação que segundo a Rádio ELVAS soube no local, já se verifica há bastantes meses.

Dado que o Covidário se encontra encerrado, o bombeiro que realizou o transporte teve que se dirigir à admissão da urgência do Hospital, para proceder à entrada do doente COVID, tendo entrado dentro do espaço onde todas as pessoas circulam, contrariando a regra que foi apresentada à Rádio ELVAS onde todos os acompanhantes e doentes COVID ficariam isolados dos restantes doentes da urgência do Hospital.

Depois de efetuado o registo, o bombeiro dirigiu-se à ambulância, para com outro colega, acompanhar o doente que deu entrada depois pelo seu pé pela porta do circuito Covid do Hospital de Santa Luzia.

Os bombeiros e o doente circularam pela zona da urgência sem que o local tenha depois sido  desinfetado.

Após deixar o doente, os bombeiros despiram o equipamento de proteção individual na rua, a poucos metro da porta da urgência, no passeio por onde circulam todos os que acedem à urgência. Questionados, os bombeiros afirmaram não ter um local próprio para mudar de roupa.

 

O equipamento de proteção foi depositado em sacos do lixo e entregues junto ao Covidário.

Todas as pessoas que se encontravam local, doentes e acompanhantes, manifestaram a sua preocupação e desagrado pela situação  que alegadamente já terá acontecido anteriormente.

A Rádio ELVAS solicitou um comentário à situação aqui relatada sem qualquer resposta até esta hora (16:30h 19/10/2020).