Vendas Novas acha possível ter descontos nos passes do comboio

O presidente da Câmara Municipal de Vendas Novas, Luís Dias, esteve reunido com o Ministro das Infraestruturas e Habitação, Pedro Nuno Santos, a fim de insistir com o Governo sobre a implementação do Programa de Apoio à Redução Tarifária (PART) ao transporte ferroviário que serve Vendas Novas e os outros municípios do Alentejo Central.

Segundo a autarquia de Vendas Novas “as notícias são boas”, uma vez que “houve um compromisso verbal, por parte do ministro, que, até final do corrente ano, a situação fica tecnicamente resolvida pela CP e o PART irá finalmente abranger os utilizadores do Alentejo Central”.

O presidente da autarquia mostrou-se “bastante animado com esta perspetiva que irá permitir que os Vendasnovenses possam ter os mesmos descontos que o resto do país”, uma vez que, “atualmente, despendem mais de 200 euros de passe mensal na deslocação para Lisboa, passando a ter, com a entrada em funcionamento do PART, um desconto mensal de 120 euros”. Esta perspetiva leva o autarca a afirmar que, “para além de ser justo, será, com certeza, um importante contributo para equilibrar os orçamentos mensais” dos utilizadores do comboio.

Apesar destas novas perspetivas, a Câmara Municipal de Vendas Novas, adianta já a eventual estratégia futura: “caso este compromisso não venha a ser cumprido pelo Governo Português, o Município avançará com outras ações para a aplicação totalmente justa deste benefício aos Vendasnovenses”.