PSP fiscaliza estabelecimentos de Elvas em período de contingência

Restaurantes, cafés e pastelarias que se situam a 300 metros das escolas estão limitados, desde o passado dia 15 de setembro, ao máximo de quatro pessoas por grupo.

Para além disso, desde a entrada do país em situação de contingência, os estabelecimentos são obrigados a fechar portas entre as 20 e as 23 horas, consoante decisão das autarquias.

Estas são situações que têm sido fiscalizadas em Elvas, pela PSP. O subcomissário António Carvalho explica que os agentes se têm deslocado aos estabelecimentos, numa primeira fase, para sensibilizar e esclarecer as dúvidas dos proprietários, para depois serem detetadas as infrações.

“Temos tentado marcar presença e pedido às pessoas, que nos ligam para a esquadra, que nos informem qual é o estabelecimento” onde possa ter sido incumprida alguma das normas em vigor, explica o subcomissário.

Relativamente aos estabelecimentos que estão próximos das escolas, António Carvalho apela aos proprietários que tenham a preocupação de impedir os jovens de se juntarem em grupos com mais de quatro elementos, “não só por eles, como pela própria comunidade escolar”.

Por esta altura, está proibida a venda de bebidas alcoólicas a partir das 20 horas, assim como o seu consumo na via pública.