Falta de prevenção no De Boa Saúde desta semana

No primeiro semestre deste ano realizaram-se menos 3,8 milhões de consultas presenciais nos cuidados de saúde primários do que no mesmo período de 2019. Já nos hospitais do Serviço Nacional de Saúde, a redução ronda as 900 mil consultas.

O médico Pintão Antunes lamenta esta situação porque “há doenças muito graves, como as oncológicas, que não estão a ser tratadas devido à Covid-19. Esta situação está a acontecer a nível mundial e as doenças ditas clássicas estão a ser abandonadas. Não nos podemos esquecer que mata muito mais uma doença oncológica ou cardíaca do este Covid”.

O médico considera que é preferível gastar dinheiro na prevenção da doença do que no tratamento: “o problema que há em nós não tratarmos da prevenção doença é que, quando as pessoas vão parar ao hospital, fica muito mais caro”.

A importância da prevenção das doenças é o tema da edição desta semana do programa De Boa Saúde, com Carlos Falcato e o médico Pintão Antunes.