Caçador morto acidentalmente pelo filho menor de idade

Um homem de 40 anos morreu na tarde de ontem, sábado, 29 de agosto, numa herdade em Azuaga, na província de Badajoz, depois de ser alvejado acidentalmente, pelo filho, menor de idade, enquanto os dois caçavam.

A Guarda Civil Espanhola procura agora, através de uma investigação, esclarecer como tudo aconteceu.

O homem e o filho, avança ainda o Hoy, terão viajado de La Puebla del Río, em Sevilha, para Azuaga, para caçar.