Portugal em estado de contingência a partir de 15 de setembro

Foto: portugal.gov.pt

O Governo esteve reunido esta quinta-feira, dia 27, a fim de decidir as medidas a aplicar a partir de dia 1 de setembro. Na primeira quinzena do próximo mês, o Governo decidiu manter “exactamente as mesmas medidas que tínhamos até aqui — e isto acontece porque os números estão estáveis, a resposta do SNS está controlada e a capacidade de testes tem vindo a aumentar”, de acordo com a ministra de Estado e da Presidência, Mariana Vieira da Silva.

No entanto, partir de 15 de setembro o país estará em estado de contingência, com um conjunto de medidas para preparar o outono e o inverno e que serão apresentadas na semana que se inicia a 7 de setembro”, referiu.

O Conselho de Ministros decidiu ainda que o isolamento profilático ou a proteção na doença dos doentes com Covid-19 é financiada, no máximo de 28 dias, a 100%; são atribuídas faltas justificadas a um adulto acompanhante de um filho ou de um dependente que fique em isolamento profilático durante 14 dias e foram adiados, para março de 2021, as matérias relativas à utilização de plástico por parte dos restaurantes.