PSP detém quatro homens por condução sob efeito do álcool

Oito homens, com idades compreendidas entre os 42 e os 54 anos de idade, foram detidos pela PSP pela prática dos seguintes crimes: quatro por condução de veículo sob efeito de álcool no sangue, acusando TAS de 1,47 g/l; 1,86 g/l e 2,25 g/l e 2,92g/l respetivamente; e um pela prática do crime de desobediência (recusa em efetuar o teste quantitativo de álcool no sangue). Os 5 foram constituídos arguidos, submetidos a termo de identidade e residência, passando os processos à fase de inquérito

Outro dos indivíduos foi detido em cumprimento de um Mandado de Detenção e Condução, emitido pelo Tribunal Judicial da Comarca de Portalegre. O detido foi transportado e entregue no Estabelecimento Prisional de Castelo Branco para cumprimento da pena de prisão que lhe foi aplicada.

E mais dois foram detidos em cumprimento de Mandado de Detenção. Após terem efetuado o pagamento do valor em divida, foram restituídos à liberdade.

A nível de sinistralidade rodoviária a PSP, entre 13 e 19 de julho registou em Elvas três acidentes de viação, dos quais resultaram danos materiais nas viaturas intervenientes.

A PSP identificou ainda 3 homens, com idades compreendidas entre os 25 e os 42 anos de idade, por terem na sua posse produto estupefaciente, designadamente, 5 doses individuais de heroína, 1,80 gramas e 1,02 gramas de Liamba, respetivamente. Os correspondentes processos foram enviados à Comissão da Dissuasão da Toxicodependência (CDT) em Portalegre.

Entre os dias 13 e 19 de julho a PSP realizou em Elvas e Portalegre três ações de fiscalização a Estabelecimentos de Restauração e Bebidas. No decorrer das mesmas, foram apreendidas 2 máquinas extratoras, 3 cartazes de brindes e 42 euros em moedas de 1 euro. Foram ainda elaborados 2 Autos de contraordenação; uma ação de fiscalização no âmbito da Segurança Privada.

Foram realizadas 10 operações de fiscalização rodoviária, controlados e fiscalizados trezentos e sessenta (360) veículos/condutores, tendo sido detetadas várias infrações das quais se destacam dois por falta de inspeção obrigatória da viatura; um por falta de seguro obrigatório; três por condução de veículo sob efeito de álcool no sangue, com TAS entre 0,80g/l e 1,19 g/l; duas por condução de veículo sob efeito de álcool no sangue, com TAS entre 0,50g/l e 0,79g/l; e uma por não utilização de cinto de segurança durante a condução.