Elvas: três detidos por furto qualificado e outros três por desobediência

A PSP de Elvas deteve, no passado dia 30 de junho, dois indivíduos do sexo masculino e um do sexo feminino, pela prática do crime de furto qualificado.

“O furto foi praticado em coautoria e ocorreu numa superfície comercial da cidade de Elvas,  tendo sido recuperados todos os artigos furtados, cujo valor é superior a 200 euros”, pode ler-se num comunicado enviado à redação da Rádio ELVAS pelo Comando Distrital da PSP.

Dois dos detidos “possuem um largo historial no que respeita à prática deste tipo de ilícitos, pelo que, recolheram às celas de detenção, até serem presentes à Autoridade Judiciária competente”.

Faz ainda saber o Comando Distrital que, na madrugada do dia 1 de julho, também em Elvas, um grupo composto por mais de vinte pessoas, promoveu um convívio via pública, o que face ao estado de alerta que vigora, no âmbito da pandemia Covid-19,  obrigou à intervenção da Divisão Policial de Elvas, com o emprego de vários meios, por forma a fazer cessar esse mesmo convívio.

O facto de a ordem da PSP não ter sido acatada por todos, originou a detenção de três indivíduos: um do sexo masculino e dois do sexo feminino, pela prática  do crime de desobediência. Nesta intervenção, foram ainda apreendidos vários objetos que se encontravam na via pública e estavam a ser utilizados pelos indivíduos em causa.

Os três detidos foram libertados e notificados para comparecerem no tribunal, estando a decorrer o inquérito criminal.