Excesso de velocidade é das infrações mais registadas pela PSP

O Comando Distrital de Portalegre da Polícia de Segurança Pública (PSP) realizou, no período de 22 e 28 de junho de 2020, uma ação de visibilidade em zonas de maior aglomeração de população e em locais referenciados pela prática de ilícitos criminais e de maior acumulação de tráfego e sinistralidade rodoviária, destacando-se uma detenção por tráfico de estupefacientes; uma operações de fiscalização no âmbito do tratamento e gestão de resíduos; uma operação de fiscalização de estabelecimentos e 13 operações de fiscalização rodoviária tendo sido controlados e fiscalizados 1099 veículos/condutores.

De entre as infrações detetadas, destaque para o excesso de velocidade; condução de viatura sem a utilização cinto de segurança; utilização do telemóvel durante o exercício da condução; falta de seguro obrigatório e falta de inspeção obrigatória da viatura.

Foi ainda realizada uma operação no âmbito de um processo crime por tráfico de estupefacientes.

Em Elvas e Portalegre, foram detidos cinco homens e uma mulher, com idades compreendidas entre os 30 e 41 anos de idade pela prática dos crimes de condução sem habilitação legal e condução sob efeito do álcool, com TAS de 1,86g/l;  1,88g/l; 2,76g/l .Estes detidos foram constituídos arguidos, submetidos a termo de identidade e residência, passando os processos à fase de inquérito.

No que diz respeito à sinistralidade rodoviária, em Elvas registaram-se dois acidentes de viação, dos quais resultaram um animal ferido e danos materiais nas viaturas intervenientes. Em Portalegre, ocorreram quatro acidentes de viação, dos quais resultaram danos materiais nas viaturas intervenientes.