Piscinas de Campo Maior adiam reabertura

O Município de Campo Maior decidiu adiar a abertura ao público das piscinas municipais, devido ao risco de contágio por Covid-19.

João Muacho, presidente da Câmara Municipal de Campo Maior, afirma que depois de reunir com a Comissão Municipal de Proteção Civil e, “atentos à evolução da pandemia na região, surgiu a decisão unânime de que não estavam reunidas as condições para abrir as piscinas ao público”. O presidente adianta que “estava tudo preparado para abrir no dia 4 de julho, de acordo as regras da Direção-Geral da Saúde, mas infelizmente atendendo a esta situação, decidimos, e muito bem, não abrir as piscinas, no dia programado, e adiar a reabertura”.

No entanto, esta é uma situação que vai ser avaliada nas próximas semanas, tendo em conta a evolução da pandemia. João Muacho diz que “tendo presente que muitas autarquias decidiram não abrir, a decisão poderá inclinar-se em não abrir as piscinas municipais da vila, de forma definitiva”.

Para o presidente da Câmara de Campo Maior, “primeiro estão as pessoas e a saúde de todos e não uma simples abertura de um equipamento municipal, que sabemos “com certeza seria utilizado este verão, mas a Covid-19 leva-nos a tomar decisões, que não são fáceis, mas são aquelas que temos que assumir e vamos monitorizando passo a passo, para que este equipamento municipal possa ou não abrir este verão”.