Lar de Reguengos de Monsaraz com 56 casos de Covid-19

O lar da Fundação Maria Inácia Vogado Perdigão Silva (FMIVPS), em Reguengos de Monsaraz, conta com 56 casos de infeção por Covid-19, de acordo com José Calixto (na foto), presidente da Câmara Municipal.

No total. 16 correspondem a trabalhadores da instituição e 40 a utentes. De 166 testes realizados na passada quinta-feira, dia 18, há ainda três casos inconclusivos de um trabalhador e dois utentes.

Este sábado são esperados os resultados dos 47 testes realizados ontem, sexta-feira.

A instituição já efetuou contactos com todos trabalhadores e os mesmos passam agora a ter que cumprir todas as determinações da Autoridade de Saúde Pública.

De acordo com José Calixto, os doentes encontram-se “sem sintomas graves, encontrando-se todos a recuperar nas suas habitações. Relativamente aos utentes com testes positivos, foram efetuados contactos com as respetivas famílias encontrando-se dois utentes hospitalizados. Todos os restantes serão observados este sábado durante a manhã pelos médicos do Centro de Saúde estando assintomáticos ou com sintomas ligeiros e isolados dos restantes utentes”.