Lar de Reguengos com 12 funcionários positivos à Covid

Doze funcionários da Fundação Maria Inácia Vogado Perdigão Silva (FMIVPS) testaram positivo à Covid-19, de acordo com informação confirmada pelo presidente da Câmara Municipal de Reguengos de Monsaraz, José Calixto (na foto).

A instituição já contactou todos estes trabalhadores e os mesmos passam agora a ter que cumprir todas as determinações da já referida Autoridade de Saúde Pública.

Neste momento, segundo a informação divulgada, os novos casos não apresentam sintomas graves e encontram-se todos a recuperar nas suas habitações.