Ministra da Coesão: “Elvas tem um significativo pacote de investimento”

A ministra da Coesão Territorial, Ana Abrunhosa, esteve esta segunda-feira, dia 8 de visita a Elvas.

O Museu de Arqueologia e Etnografia de Elvas, as obras da Escola Básica 2,3 de Santa Luzia e a utilização do antigo Instituto de Vila Fernando foram alguns dos pontos de passagem, seguindo-se uma reunião na Câmara de Elvas, com o presidente da Câmara Nuno Mocinha, e o presidente da CCDR Alentejo, Roberto Grilo.

A ministra destaca que o balanço desta visita foi positivo, considerando que Elvas “é um território muito importante” e que as obras que estão a ser executadas “estão num bom caminho”. Ana Abrunhosa acrescenta, que é muito significativo o pacote de investimento em Elvas”. Relativamente ao Museu de Arqueologia e Etnografia da cidade Ana Abrunhosa considera que este é “um espaço único”.

A construção de uma residência para estudantes do ensino superior, no antigo Lagar dos Lopes, perto do Largo de São Domingos, é um projeto da Câmara Municipal que recebeu indicação que a obra vai ser concretizada.

São vários os projetos ainda para serem executados, tais como a transferência de água do Rio Guadiana para a Barragem do Caia e a Plataforma Logística do Caia, “algo importante para sermos mais auto suficientes e para que a mesma possa ter mais capacidade de água”. Outro dos projetos é a criação de uma Comunidade de Conhecimento e Inovação em Vila Fernando.

A comitiva ministerial que esteve em Elvas foi completada pelo secretário de Estado Adjunto e do Desenvolvimento Regional, Carlos Miguel, e pela secretária de Estado da Valorização do Interior, Isabel Ferreira.