Hospital de campanha do CNT de Elvas é para continuar montado

Nos últimos meses, quase todos os municípios criaram espaços destinados a acolher possíveis casos de infeção por Covid-19.

Em Elvas, o Centro de Negócios Transfronteiriço (CNT) deu lugar a um hospital de campanha com duas unidades autónomas: uma destinada a acolher utentes de lares, não infetados com o vírus, e a outra com a função de apoiar o Serviço Nacional de Saúde.

Este espaço, de acordo com o presidente da Câmara de Elvas, Nuno Mocinha, vai manter estas condições, até que a Comissão Municipal de Emergência e Proteção Civil assim o entenda. “Aquele equipamento foi instalado segundo as necessidades, no âmbito da Proteção Civil, e está disponível para a Proteção Civil e só quando for desmobilizado por parte da Comissão Municipal de Emergência e Proteção Civil de Elvas é que ele será desativado”, explica.

Mocinha lembra que este equipamento “pode auxiliar, não só Elvas, mas como os concelhos vizinhos, daí que, para já, é para ficar montado”.

O presidente da Câmara de Elvas explica ainda que o espaço instalado no CNT, dedicado às estruturas residenciais para idosos, pode vir a ser utilizado, em breve, pelos utentes do Centro de Dia da Boa-Fé, uma vez que o mesmo será alargado a lar, sendo que a obra deverá arrancar entretanto.