Rádio ELVAS na conferência de Imprensa da DGS (c/vídeo)

A Rádio ELVAS entrou, esta quarta-feira, dia 3, na conferência de Imprensa da Direção-Geral da Saúde (DGS), onde colocou as seguintes questões:

Estão a ser preparadas praias fluviais em vários locais do Alentejo e do interior do País, também é muito frequente a utilização de albufeiras, barragens e rios por parte da população durante o verão. Se no caso das piscinas públicas os desinfetantes e o cloro eliminam os micro-organismos, no caso das praias fluviais onde as aguas não sofrem tratamentos que tipo de segurança quanto ao Covid deve ser tomada em conta pelos utilizadores desses locais?

A segunda questão está relacionada com os números do relatório diário da DGS. Na região Alentejo temos detetado várias incoerências entre o numero total de casos registados e o detalhe por concelho. Por exemplo, no passado dia 31 de maio a região não apresentava novos casos relativamente ao dia anterior, que permanecia com 259 casos. Já por concelhos, identificámos mais um caso em Elvas que, aliás, já tínhamos confirmado com as autoridades locais e mais um caso em Odemira, ou seja, devia haver mais dois casos.

No dia 1 de junho mantinham-se 259 casos na região Alentejo. Já por concelhos, identificámos um caso mais em Odemira. Estas situações criam muitas dúvidas aos nossos ouvintes e as nossas notícias partilhadas nas redes sociais suscitam muitos comentários de que há ocultação de informação.

Temos ainda, para terminar, uma sugestão: gostaríamos que o site da DGS, que neste três meses, já teve varias atualizações, pudesse ter um local para colocação de questões, onde os jornalistas se pudessem identificar e deixar as suas questões, podendo ser respondidas na conferência de imprensa.

Por último, registámos nestes três meses, um enorme trabalho das Câmaras Municipais no Alentejo, em especial nos distritos de Portalegre e Évora, que seguimos mais de perto, das comunidades intermuncipais CIMAA e CIMAC, dos bombeiros voluntários, militares da GNR e agentes da PSP, funcionários dos lares e demais entidades que têm combatido a pandemia e, em especial, uma palavra de apreço para os profissionais de saúde dos hospitais de Elvas e Portalegre, da Unidade Local de Saúde do Norte Alentejano, onde apenas foram registados 27 casos. Somos o distrito com menos casos de Covid na Península Ibérica.