Institutos politécnicos em maratona tecnológica dias 30 e 31

Os Institutos Politécnicos de Portalegre, Tomar, Castelo Branco e Guarda com o apoio da Fundação Calouste Gulbenkian anunciam a quarta edição totalmente à distância do projeto CityHack – Isto é Transição Digital para o Bem.

O CityHack é um evento sob a forma de uma maratona tecnológica que decorre nos dias 30 e 31 de maio, com a duração de 24 horas, e que visa o desenvolvimento de soluções tecnológicas para as cidades e a melhoria da qualidade de vida.

A edição de 2020 é dedicada ao tema da Transição Digital para o Bem, que pretende contribuir com ideias e soluções inovadoras que contribuam de forma decisiva para apoiar os diversos atores da nossa sociedade a dar os passos essenciais no processo da transição digital.

O CityHack para além de incentivar os participantes a apresentar soluções tecnológicas para a melhoria da qualidade de vida nas cidades, reconhecendo, valorizando e retendo talentos, tem como objetivo criar condições para a concretização das ideias geradas.

O evento superiormente apoiado pela Fundação Calouste Gulbenkian, no âmbito do projeto Hack for Good, inserido no programa Gulbenkian de Coesão e Integração Social, marca este ano a diferença por promover um desafio inovador, sob a forma de maratona de 24 horas totalmente à distância, realizado em simultâneo pelos Institutos Politécnicos de Portalegre, Tomar, Castelo Branco e Guarda.