Luís Maia aponta razões económicas para regresso da I Liga

A I Liga regressa aos campos de futebol no início do próximo mês. Para além do campeonato, está previsto o regresso da Taça de Portugal, competição da qual só falta cumprir a final entre Benfica e FC Porto. Excluída fica a conclusão da II Liga.

“Se o Campeonato de Portugal foi cancelado, eu penso que também a I Liga devia continuar cancelada. A grande diferença é, sem dúvida alguma, o fator económico, porque alguns clubes não iriam resistir”, revela Luís Maia, treinador de futebol no Sporting Clube Campomaiorense.

Maia lembra a importância das apostas desportivas e as transmissões televisivas, para que os clubes possam pagar “aqueles ordenados elevados aos jogadores”.

O treinador dá ainda o exemplo do campeonato holandês, que foi cancelado, adiantando que, do seu ponto de vista, seria mais prudente fazer-se o mesmo em Portugal.