Fileira dos cereais une-se no combate à fome

Os Cereais do Alentejo, a Germen e a Cerealis entregaram à Rede de Emergência Alimentar, promovida pelo Banco Alimentar Contra a Fome, quatro toneladas de farinha e uma tonelada de massa, produzidas a partir de trigo do Alentejo.

Esta ação solidária – encabeçada pela Associação Nacional de Produtores de Proteaginosas, Oleaginosas e Cereais (ANPOC) – envolveu agricultores da região e o setor da transformação de cereais no combate à fome de quem perdeu recursos económicos e financeiros em tempos de pandemia.

As cinco toneladas de alimentos doados são fruto de um esforço conjunto dos agricultores e produtores do Alentejo, que ofereceram o trigo; da Germen, que o transformou em farinha, e da Cerealis, que ficou responsável pela produção da massa.

As cinco toneladas foram entregues ontem, 11 de maio, ao Banco Alimentar Contra a Fome, em Lisboa, na presença de José Maria Rasquilha, vice-presidente da ANPOC, em representação da fileira dos cereais.