Câmara de Évora reforça máscaras e papel para impressão

A Câmara Municipal de Évora iniciou, a 28 de abril, a distribuição de um primeiro conjunto de máscaras de proteção às Juntas de Freguesia e Uniões de Freguesia do concelho para que estas as façam chegar aos munícipes mais vulneráveis. Por outro lado, reforça-se o apoio ao primeiro ciclo do Ensino Básico, através da cedência de papel para impressão de materiais de apoio para ensino à distância.

Mantendo uma estreita articulação com as entidades que contribuem para combater a pandemia de Covid-19, as Juntas e Uniões de Freguesias do concelho de Évora estão a entregar máscaras de proteção individual aos seus fregueses mais vulneráveis, nomeadamente idosos, portadores de deficiência e doentes crónicos.

Para já, a câmara de Évora entrega 150 máscaras a cada freguesia rural e 250 a cada freguesia urbana, reavaliando-se a necessidade de reforçar o fornecimento deste tipo de material.

Uma vez que, para os alunos do 1º ao 10º ano, o ano letivo prossegue em regime de ensino à distância e prevendo-se um acréscimo das necessidades de impressão de fichas e outros materiais de carácter pedagógico, assegurados em muitos casos pelas Juntas e Uniões de Freguesias, o município eborense decidiu reforçar o apoio, nomeadamente através do fornecimento de papel ao primeiro ciclo do Ensino Básico.