Alcaide autuado por distribuição no Domingo de Ramos

Foto: Diario Hoy

Ontem, Domingo de Ramos, dia 5 de abril, pelas 9.30 horas, um veículo do Ayuntamiento de La Parra (Zafra) estava estacionado perto da praça da igreja e repleto de ramos de oliveira, com música típica da Semana Santa, que estava a ser transmitida por altifalantes.

O alcaide, Alejandro Lagar Nieto, e um concejal estavam em frente ao Posto de Turismo e, entretanto, uma equipa da Guardia Civil, denuncia os dois por não respeitarem o estado de emergência que limita a presença na rua a ações limitadas. Dentro de três dias, chegará o valor da multa, que no mínimo será de 600 euros.

Em declarações ao diário Hoy, o Alcaide referiu que “como era Domingo de Ramos, tinha decidido distribuir ramos de oliveira pelas casa dos vizinhos; nem todos têm uma oliveira por perto, nem nos pátios das suas casas; por isso, pareceu-me que se podia deixar um ramo à porta ou nas janelas da casas, para que depois as pessoas pudessem levá-la.”

O alcaide afirmou ainda que a distribuição dos ramos foi ideia do Ayuntamiento e não do padre.