Idosos precisam de medicamentos, a Câmara leva

Os idosos, principal grupo de risco no que diz respeito à infeção por Covid-19, têm merecido, por estes dias, especial atenção por parte da Câmara de Elvas.

Para que os mais velhos, abrangidos pelo Cartão da Idade de Ouro, possam continuar a fazer as suas vidas, sem sair de casa, a autarquia leva-lhes, ao domicílio, os apoios relacionadas com os medicamentos, explica o presidente da câmara, Nuno Mocinha.

“Através de umas equipas, entre a câmara municipal e as juntas de freguesia, para, em vez dos idosos virem à câmara, é a câmara que vai até esses idosos. Leva-lhes o dinheiro e vai-lhes perguntar se precisam de algum medicamento”, explica Mocinha.

Nuno Mocinha informa ainda que os idosos podem receber os medicamentos de que precisam em casa. “Eles vão dizer onde é que normalmente adquirem esses medicamentos e nós vamos levá-los a casa, para que não saiam”, revela.

Os funcionários, esclarece ainda o presidente da câmara, estão devidamente identificados e levam um envelope com os valores a pagar a cada idoso, relativamente às verbas a receber por estar abrangidos pelo Cartão da Idade de Ouro. Este serviço começou a ser prestado na segunda-feira, dia 30.