Migração da TDT suspensa devido ao Covid-19

O processo de migração da rede de Televisão Digital Terrestre (TDT) está suspenso devido aos constrangimentos associados ao COVID-19, informou a Autoridade Nacional de Comunicações (Anacom) em comunicado. A medida tem como consequência imediata o atraso, “por motivo de força maior”, da data de libertação da faixa dos 700 MHz prevista para 30 de junho de 2020.

“A suspensão do processo decorre da prévia articulação entre a Anacom e a Meo, operador da rede de TDT, e mereceu a necessária concordância do Governo”, indica o regulador.