Loja social de Portalegre entrega bens ao domicílio

Com vista a reduzir os riscos de propagação e contágio do coronavírus e a fim de evitar a circulação de pessoas pela cidade, a Câmara Municipal de Portalegre encerrou, por tempo indeterminado, o atendimento presencial aos utentes na Loja Social, continuando o serviço a ser assegurado.

“A entrega dos produtos de primeira necessidade passou a ser feita no domicílio, por um funcionário do Município, sem que haja contacto por parte de quem entrega e de quem recebe”, de acordo com Adelaide Teixeira, presidente da Câmara Municipal de Portalegre.

Para se operacionalizar a entrega destes bens, os utentes serão contactados pelas técnicas de Ação Social.

De salientar também que a Câmara Municipal de Portalegre continua a assegurar que os bens de primeira necessidade chegam às Juntas de Freguesia do concelho, para serem distribuídos pelos utentes.