CDOS de Évora e jornalistas em sessão de informação

O Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Évora promoveu ontem, 4 de março, uma sessão de informação e sensibilização, destinada a jornalistas, com o objetivo de apresentar a organização, a sua missão e os referenciais do sistema de Proteção Civil.

“Cada comando distrital de operações de socorro tem a função de fazer quer a monitorização, quer a gestão de tudo o que seja meios de socorro e também tudo o que seja necessário para salvaguardar a integridade das populações”, revela Maria João Rosado, segundo-comandante do CDOS de Évora.

A atividade de Proteção Civil tem carácter permanente, multidisciplinar e plurissectorial, cabendo a todos os órgãos e departamentos da Administração Pública promover as condições indispensáveis à sua execução, de forma descentralizada, sem prejuízo do apoio mútuo entre organismos e entidades do mesmo nível ou proveniente de níveis superiores.

Levantamento, previsão, avaliação e prevenção dos riscos coletivos; análise permanente das vulnerabilidades perante situações de risco; e informação e formação das populações, visando a sua sensibilização em matéria de autoproteção e de colaboração com as autoridades são alguns dos domínios em que atividade de Proteção Civil se exerce-se.

Esta sessão, no CDOS de Évora, vem na sequência da Semana da Proteção Civil, que está a ser assinalada.