ARKUS promove recolha de donativos para ajudar bebé Lourenço

A associação juvenil ARKUS, de Elvas, tem em marcha um projeto solidário, através do qual pretende angariar donativos que irão reverter a favor de Lourenço, o bebé de 18 meses de Estremoz, que sofre de Encefalopatia Epilética.

“Este projeto nasceu quando estávamos a recolher tampinhas para ajudar o Lourenço e o senhor Leolindo Velez veio aqui à nossa associação e trouxe seis exemplares de um livro chamado ‘As aventura de Gully Catrapuz’”, começa por explicar Marta Charrua, do departamento de comunicação da associação elvense. “Disse-nos que podíamos usar os livros de qualquer forma para ajudar o Lourenço e nós assim fizemos”, acrescenta.

“Lourenço, o novo amigo de Gully Catrapuz” é o nome deste projeto solidário, que se materializa com uma recolha de donativos, em todas as salas das creches, infantários, jardins de infância e escolas de 1º ciclo do concelho de Elvas. Depois de recolhido o dinheiro doado, serão sorteados três livros d”As Aventuras de Gully Catrapuz” por todas as escolas.

Na próxima semana, de 2 a 6 de março, todas as crianças são convidadas a ajudar o Lourenço, levando um euro para a escola, colocando depois a sua moeda nos mealheiros, em forma de bolota, criados pela ARKUS. Ao todo, são cerca de 110 os mealheiros criados para este efeito.

Cada ciclo de tratamentos, que ajuda esta criança a ter uma melhor qualidade de vida, tem o custo de cerca de quatro mil euros, que não são comparticipados pelo Estado. “Juntar os quatro mil euros é uma expectativa muito alta, mas se juntarmos metade ou mais, sabemos que os pais vão ficar de braços abertos para receber o valor,” revela Marta Charrua.

Quem quiser, poderá também contribuir, com o valor que entender, ou através da entrega de tampa de plástico, dirigindo-se à sede da ARKUS, na Avenida 14 de janeiro, nº 15, em Elvas.