Três detidos em Fronteira por caça com chamariz de aves

O Comando Territorial de Portalegre da Guarda Nacional Republicana (GNR), através do Núcleo de Proteção Ambiental de Portalegre, deteve três homens com idades entre os 46 e 61 anos, no concelho de Fronteira, pela utilização ilícita de um gravador/chamariz de aves, durante a caça de espécies de caça menor (tordos).

Foram-lhes apreendidos um gravador/chamariz, três espingardas de caça, munições e as aves abatidas, tendo estas sido entregues a uma instituição de solidariedade social.

Os detidos foram presentes no dia 6 de janeiro, ao Tribunal Judicial de Fronteira, ficando sujeitos ao pagamento de 200 euros, por cada arguido, a uma instituição de solidariedade social.