Maria Jacinta Sertã soprou as velas dos seus 105 anos

A campomaiorense Maria Jacinta Sertã festejou esta tarde de segunda-feira, dia 6, os seus 105 anos, no Centro de Dia da Santa Casa da Misericórdia de Campo Maior.

À nossa reportagem, Maria Jacinta afirma que se sente “muito feliz por este momento”, com a sua “família mas também com muitas amigas”, como a própria referiu.

Maria Jacinta viveu na sua casa até aos 100 anos e posteriormente foi viver com a sua filha Otília Marrafa, que afirma que a mãe “está lúcida e com boa memória, apenas perdeu o andar há uns meses”. No entanto apesar de viver com a filha, há cerca de 15 anos que diariamente passa os dias no Centro de Dia da Santa Casa, algo que “a deixa muita feliz, e onde se sente muito bem”, como referiu a sua filha. Otília afirma que o facto de a mãe assinalar 105 anos a deixa muito feliz, e acrescenta que neste momento deseja “muita saúde e continuação de uma boa memória para a sua mãe”.

Uma das netas que marcou presença foi Idália Catalão que referiu que “é com muita emoção e felicidade” que vê a avó comemorar 105 anos, porque entre elas existe um carinho inexplicável.

Rosália Guerra, da Santa Casa da Misericórdia de Campo Maior diz que “é com muita alegria” que celebram o aniversário desta utente, que faz parte da família da instituição, e que “tem uma capacidade cognitiva fantástica, podendo ainda desfrutar da vida”. Rosália acrescenta que “é com muita satisfação que, em conjunto com a família e restantes utentes da Santa Casa, celebram a vida”.

As comemorações dos 105 anos de Maria Jacinta Sertã decorreram nas instalações do Centro de Dia da Santa Casa da Misericórdia de Campo Maior e contaram com lanche convívio entre amigos e familiares da utente.