Isabel Mascarenhas em entrevista na Rádio ELVAS

Isabel Mascarenhas, diretora do Centro Humanitário de Elvas da Cruz Vermelha Portuguesa, esteve esta segunda-feira, dia 23, no Magazine de Informação e Música, na Rádio ELVAS, para nos falar dos vários projetos desta instituição, bem como da Clínica de Hemodiálise que vai nascer em Elvas.

Para Isabel Mascarenhas, esta clínica “é, de facto, uma prenda muito boa para todos aqueles que padecem de uma doença, que é a insuficiência renal crónica, por tudo ao que lhe está associado mas também o tratamento que necessitam”.

Os doentes de Campo Maior e Elvas têm de fazer a viagem de ida e volta para Portalegre, para poder ter este tipo de tratamento e, “agora quando a clínica estiver pronta em Elvas, vai ser mais fácil para eles.”

Esta Unidade de Cuidados Aligeirados ficará nas instalações da Cruz Vermelha, sendo que a Fundação Renal Portuguesa usa uma parte do edifício para fazer a instalação desta clínica de hemodiálise e que, segundo Isabel Mascarenhas, “irá tocar a vida de tanta gente e atenuar o sofrimento no tempo de viagem para Portalegre.”

Prevê-se que esta clínica esteja concluída no segundo ou terceiro trimestre de 2020.