Obras da clínica de hemodiálise de Elvas já arrancaram

Elvas vai contar com uma clínica de hemodiálise, que já se encontra a ser construída nas instalações do Centro Humanitário da Cruz Vermelha, tal como a Rádio ELVAS tinha anteriormente avançado.

Nuno Mocinha, presidente da Câmara de Elvas, explica que é fundamental que as pessoas, tanto da cidade, como de Campo Maior, não precisem de efetuar grandes deslocações para se submeter aos tratamentos que necessitam. “O que temos tentado fazer, em parceria com a Cruz Vermelha e com a Fundação Renal, é criar as condições para que essas pessoas possam ter o tratamento na sua cidade”, adianta.

O autarca lembra que esta “é uma boa notícia para este território”, estando em crer que têm sido dados os passos certos “para que isto seja possível”. Agora, adianta, é preciso “dar tempo ao tempo”, fazer as obras, para que “num curto espaço de tempo”, a clínica possa “dar esse tipo de serviço às populações que dele necessitam”.

Atualmente, os doentes de Elvas têm de se deslocar a Portalegre, ou até mesmo fora do distrito, para fazer os seus tratamentos.