Discursos do 10 de junho dão origem a livro

O jornalista, cronista e comentador político João Miguel Tavares apresenta hoje, domingo, dia 1, às 15.30 horas, no Centro de Congressos da Câmara Municipal de Portalegre, o seu novo livro, “Dêem-nos alguma coisa em que acreditar: o discurso do 10 de Junho e outros textos”, que compila o discurso que proferiu no dia 10 de junho de 2019 em Portalegre, no Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas, proferido na sua condição de Presidente da Comissão Organizadora das Celebrações do 10 de Junho.

Esta obra engloba ainda o discurso feito por si no Mindelo, Cabo Verde, no dia 11 de junho, no Encerramento das Comemorações do Dia de Portugal, assim como outros textos da sua autoria.

Este livro, que foi apresentado em julho pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, numa sessão que decorreu em Lisboa, na Casa do Alentejo, saiu recentemente para venda ao público, sob a chancela da editora Cinco Um Zero.

João Miguel Tavares nasceu em 1973 em Portalegre e é licenciado em Ciências da Comunicação pela Universidade Nova de Lisboa. Foi jornalista do Diário de Notícias e fundador da revista Time Out. É atualmente colunista do Público, comentador do “Governo Sombra” (TVI24 e TSF) e coautor do programa “E o Resto É História”, na rádio Observador, e ainda publisher da 510, empresa que edita a revista Observador Lifestyle. Publicou dois livros de crónicas, Os Homens Precisam de Mimo e Manual de Sobrevivência para Pais e Maridos e quatro livros infantis, A Crise Explicada às Crianças, Uma Baleia no Quarto, O Pai Mais Horrível do Mundo e As Incríveis Aventuras da Super-Miúda.