Jovens chamados a vigiar e a defender a floresta

Estão abertas, até ao final deste mês, as candidaturas ao programa de Voluntariado Jovem para a Natureza e Florestas, promovido pelo Instituto Português do Desporto e Juventude (IPDJ).

De acordo com Miguel Rasquinho, diretor regional do IPDJ para o Alentejo, este é um programa que tem visto o seu período de funcionamento alargado, uma vez que “os incêndios ocorrem ao longo de todo o ano”. “Damos a oportunidade às entidades, às câmaras municipais, de terem projetos e jovens a participar na realização de várias atividades para a sua comunidade”, adianta.

O programa de Voluntariado Jovem para a Natureza e Florestas tem sido uma das maiores apostas do IPDJ, que se tem revelado um sucesso, com vários projetos implementados na região Alentejo.

“Foi um programa que esteve encerrado, durante alguns anos, e que foi reaberto há cerca de quatro anos a esta parte, com um grande sucesso”, revela Miguel Rasquinho.

Este programa promove práticas de voluntariado juvenil no âmbito da preservação da natureza, florestas e respetivos ecossistemas, através da sensibilização das populações em geral, bem como da preservação contra os incêndios florestais e outras catástrofes com impacto ambiental, da monitorização e recuperação de territórios afetados.

Podem-se inscrever neste programa jovens com idades compreendidas entre os 18 e os 30 anos. As inscrições, para os interessados, são feitas através da página web do IPDJ.