Zona das Casas Novas com cabo de telefone cortado e roubado

A zona habitacional que liga Elvas a Juromenha desde quarta-feira que está sem serviço de MEO, ou seja sem televisão, telefone e internet.

Na quarta-feira, perto das 19 horas, Joaquim Amante, do Restaurante Vinha da Amada, percebeu que não tinha nenhum dos serviços MEO no seu restaurante. Prontamente contactou a operadora, no sentido de “perceber o que se tinha passado”. A operadora verificou que “não havia sinal no local e enviou um técnico no dia seguinte, quinta-feira, que reparou que tinham roubado os cabos da linha que abastece o restaurante e a zona de Casas Novas”.

Joaquim Amante refere que na quinta-feira contactou novamente a operadora que lhe disse que “os técnicos andavam na zona, mas tinham que pedir autorização, talvez a Lisboa”, refere Joaquim, para “procederem à reparação”. Perante tal situação Joaquim teve que instalar a TDT no restaurante, para que os seus clientes pudessem ver televisão, no entanto coloca-se outro problema, uma vez que recebe reservas por email, também não consegue aceder aos mesmos, a não ser que desloque a casa, e o serviço de multibanco também não funciona.

O proprietário da Vinha da Amada apenas quer o problema resolvido, por parte da operadora, uma vez que após a mesma ser contactada apenas lhe responde que “o processo está em análise”. Para além disso, Joaquim refere que se “está a pagar pelo serviço, a operadora deve resolver o problema o mais rapidamente possível, uma vez que afirma que a situação é desagradável e prejudicial para si e para o negócio.”

A Rádio ELVAS contactou a operadora, no entanto não foram prestados quaisquer esclarecimentos ou mesmo informações acerca da previsão para resolução do problema.