Corpo retirado do fundo da pedreira de Vila Viçosa

O corpo do homem que caiu numa máquina para a pedreira das Cabanas, em Vila Viçosa, já foi retirado do interior da água.

A Rádio ELVAS sabe que os mergulhadores se preparavam para fixar o corpo debaixo de água para quem não se perdesse mas desses trabalhos resultou a remoção do mesmo dos escombros onde se encontrava.

Já neste domingo, a segundo-comandante Distrital de Operações de Socorro, Maria João Rosado, havia referido à comunicação social no local que o corpo se encontrava numa câmara criada pela sobreposição das pedras e que as autoridades equacionavam o uso de uma grua, uma vez que a máquina se encontrava por cima.

Recorde-se que o acidente, que vitimou um homem de 50 anos, natural e residente em Borba, ocorreu na manhã de sábado, durante os trabalhos de enchimento da pedreira que se encontrava desativada.

Quase há um ano, em 19 de novembro de 2018, o aluimento da estrada entre Borba e Vila Viçosa provocou cinco mortos, vítimas do arrastamento de máquinas e veículos, quando uma enorme quantidade de rochas e terra caiu nas duas pedreiras que ladeavam a referida via de comunicação.