Gota d’Arte: oito anos a criar artistas em Elvas

A associação elvense Gota d’Arte assinalou, ao final da tarde de ontem, 22 de outubro, o seu oitavo aniversário, na presença daqueles que usufruem dela diariamente, dos encarregados de educação, colaboradores e amigos.

Luís Rosário, presidente da direção da associação, garante que, se há oito anos lhe dissessem que hoje estaria aos comandos da Gota d’Arte, não acreditaria. “Não me via nesta posição, mas a verdade é que sempre estive ligado a esta associação”, lembra Rosário, adiantando que foi ele o responsável pela criação do logotipo da mesma.

É a partir de um outro projeto, a “Indústria da Voz”, que nasce a Gota d’Arte, lembra Luís Rosário, garantindo ser com “muito orgulho” que vê muitos dos jovens que despertaram para as artes através da associação. É com satisfação que o presidente, “tal como aqueles que, na altura, pegaram nesses jovens, como o Kikas, o Luís Pires e o Penetra”, os assistem hoje a darem cartas no mundo da música ou da representação, a criar os seus próprios projetos e “voar”.

Entre as muitas atividades desenvolvidas pela Gota d’Arte, Rosário adianta que se encontra já em preparação a terceira edição do Weekend Art, um projeto que reúne várias artes num só espaço e que se tem revelado um sucesso.

Vitória Branco, vereadora na Câmara de Elvas, ajudou a apagar as velas, na hora de se cantar os parabéns. Aos nossos microfones, assegurou que a Gota d’Arte é uma “associação especial”. A vereadora lembra ainda que da Gota d’Arte têm saído artistas, como Inês Ramos, por exemplo, que, acabam por levar o nome de Elvas e da própria associação mais longe.

Atualmente, a Gota d’Arte é frequentada por cerca de uma centena de crianças e jovens, entre aulas de música, dança e apoio escolar. A festa do oitavo aniversário, como não poderia deixar de ser, fez-se ao som de música ao vivo.