Portalegre dá exemplo de fair play

A cidade de Portalegre foi palco, na manhã de sábado, de uma iniciativa de fair play inspirada pelo Movimento #DeixaJogar, da Federação Portuguesa de Futebol.

O SC Estrela lançou a ideia, promoveu um torneio do escalão sub-10 e o CD Portalegrense e o CF Os Gavionenses abraçaram imediatamente o projeto.

À chegada ao torneio, que decorreu no Estádio Municipal Eduardo Sousa Lima, as crianças foram surpreendidas logo nos balneários, onde foram sorteadas quatro equipas com jogadores dos três clubes participantes. Distribuídas por quatro treinadores, os atletas vestiram camisolas com cores diferentes das habituais, apenas com a imagem do patrocinador oficial do torneio, Francisco Gil, e com o hashtag #DeixaJogar.

Ao lado daqueles que por vezes são seus adversários e que, naquele momento, foram seus colegas de equipa, as crianças fizeram bonitas jogadas, marcaram golos de belo efeito e não faltaram igualmente atitudes carregadas de fair play, que mereceram inclusivamente a amostragem do Cartão Branco.

A iniciativa, da qual a Associação de Futebol de Portalegre foi parceira, foi feliz, positiva e, acima de tudo, foi sinónimo de alegria e convívio, dentro e fora das quatro linhas.

“Com esta iniciativa, inspirada no Movimento #DeixaJogar, da Federação Portuguesa e Futebol, pretendemos passar valores positivos e contribuir para a formação integral dos nossos jovens através do desporto. Este é um exemplo que queremos fazer chegar aos atletas, pais, treinadores, diretores e adeptos. Queremos dizer a todos os intervenientes que é importante sermos positivos na nossa atitude diária”, explica o coordenador da formação do SC Estrela, Ricardo Graça, o treinador que lançou o desafio não só à direção do clube, mas também aos colegas que participaram.