Bolinhos de São Sebastião em Barbacena

Os bolinhos de São Sebastião, principal atração da festa que decorreu neste domingo em  Barbacena, são distribuídos na vila à tarde.

Todos os anos, dezenas de pessoas compram os bolinhos que são recortados com formas irregulares, feitos à base de farinha, banha, limão, erva-doce, canela e açúcar.

A tradição já é secular e remonta à altura do conde de Barbacena, em 1816. Naquela época, terá havido uma epidemia de varíola nas crianças. A maleita era, então, designada de bexigas, doença que deixava as crianças cheias de bolhas, com aparência de pequenas bexigas.

O conde terá mandado cozer em forno de lenha os bolos para as crianças. Estas terão ficado curadas e, desde então, os bolos são confecionados sempre em maior escala.

Reza uma das  lendas que quem comer os bolos de São Sebastião vai gozar de boa saúde o resto do ano.