Fundação Eugénio de Almeida recebe novas exposições

logoO segundo ciclo expositivo do Centro de Arte e Cultura da Fundação Eugénio de Almeida arranca hoje, pelas 18 horas, com a inauguração de três exposições.

Sob o signo temático das periferias, as exposições propõem ao visitante uma aproximação ao universo material do som, com as exposições VisoVox, uma exploração das relações entre poesia visual e sonora, e INSTRMNTS, uma proposta interativa explorando os instrumentos contemporâneos de inspiração africana desenhados e concebidos por Victor Gama.

Ocupando o jardim tardoz e o piso térreo do Centro de Arte e Cultura, Gonçalo Jardim apresenta De re metallica, esculturas de forte presença matérica e vibrátil, ao mesmo tempo que se inscrevem no horizonte da leveza e reclamam uma condição aérea.

Na inauguração, há um momento performativo, com Américo Rodrigues e Manuel Portela (dois dos curadores da exposição VisoVox, bem conhecidos nesta área disciplinar) e um concerto com a GigantikArpz, de Victor Gama.

Share on FacebookTweet about this on Twitter