Bombeiros de Elvas evitam que incêndio que lavra na zona de Badajoz passe para o lado português

Esta tarde, dia 23 de junho,  cerca das 12 horas a corporação dos Bombeiros de Elvas recebeu um alerta de incêndio na zona do Caia. Tratava-se de um incêndio rural de grandes dimensões  que lavrava na zona de Badajoz, que estava na iminência de passar para o lado português.

Tiago Bugio, Comandante dos Bombeiros de Elvas, referiu à Rádio Elvas que a corporação mobilizou para o terreno seis viaturas de combate a incêndios, duas ficaram do lado português com 10 homens, e 4 seguiram para Badajoz para ajudar no combate ao às chamas, com  13 homens.

A origem do incêndio é desconhecida . Os meios da corporação elvense estavam cerca das 15 horas a terminar o abastecimento para depois regressar a Portugal, uma vez que o incêndio, ainda que não estivesse extinto, estava já a progredir em direção ao lado espanhol, não havendo por isso qualquer perigosidade de passar para Portugal.